Comentário ao Evangelho do Dia – 28 de fevereiro

28 de fevereiro de 2019 08:00 -

28/02 – Quinta-feira da 7ª Semana TC – Mc 9,41-50

Por Dom Julio Endi Akamine SAC

 

As palavras de Jesus são muito claras e exigentes. Ele quer de nós uma coerência de vida e um amor muito grande pelo Reino de Deus:

Se tua mão te leva a pecar, corta-a! … Se teu pé te leva a pecar, corta-o! Se teu olho te leva a pecar, arranca-o! É melhor entrar no Reino de Deus com um olho só, do que, tendo os dois, ser jogado no inferno.

É preciso entender bem: por amor ao Reino de Deus, por amor a Jesus, por amor à vontade de Deus, devemos estar prontos a renunciar até mesmo as coisas que nos pareçam mais caras e indispensáveis, se tais coisas nos afastam da vontade de Deus, nos distanciam de Jesus, nos alienam do Reino…

Não se trata somente de renunciar, mas de renunciar por um amor maior! Sem o amor maior, a renúncia não é agradável a Deus!

A última frase do Evangelho de hoje é também um chamado à coerência cristã. Tende, pois, sal em vos mesmos. O que significa ter sal em nós mesmos? Por termos respondido ao chamado de Jesus, nós nos tornamos sal da terra. Ter sal em nós mesmos significa renovar em nós esse sim dado a Jesus todos os dias e a cada situação. Significa também ouvir com assiduidade a Palavra de Deus que nos preserva da corrupção. Significa, por fim, sermos capazes de dar a própria vida também nas pequenas coisas de nosso cotidiano. Ou seja, cada ação por mais humilde que seja tem o sabor de Cristo, porque cada uma dessas ações é realizada com o desejo de agradar a Deus.

 

Veja mais em: Biografia / Agenda do Arcebispo / Artigos / Youtube / Redes Sociais

Deixe um comentário

Event Information

28 de fevereiro de 2019 08:00 -

Organizer

Location